Os Jardins mais Românticos do Porto

Categoria

Visitar

Autor

Livraria Lello

Os jardins mais românticos do Porto para desfrutar com a sua cara metade. 

Seja pela vista, pela fauna ou pelo pôr-do-sol, há espaços verdes na Invicta capazes de derreter até os corações mais gélidos. São, por isso mesmo, os jardins mais românticos do Porto.

Já conhece os jardins mais românticos do Porto?

Parque da Cidade

parque-da-cidade

Em qualquer em altura do ano, o Parque da Cidade é uma boa opção para um passeio romântico. Primeiro porque é grande e isso garante desde logo uma caminhada longa; e depois porque tem muito com que ocupar o tempo. Pode levar uma mantinha e fazer um piquenique, levar pão seco e dar de comer aos patos do lago… Pode até esticar a corda e caminhar até à zona da Foz e ver o pôr-do-sol mais bonito do mundo (porque é do Porto, claro).

Jardins do Palácio de Cristal

palacio-de-crist

O Porto é uma cidade com uma beleza acima da média, efetivamente. E isso dá-lhe o direito de ter vários locais que podiam ser considerados os jardins mais românticos da cidade. Os jardins do Palácio de Cristal são outro bom exemplo disto mesmo. Grandes e com vistas incríveis para diversos pontos do rio Douro, os Jardins que rodeiam o Palácio de Cristal têm muitas árvores, o que é sinónimo de boas sombras, um pequeno lago e ainda muitas zonas escondidas para namorar.

Jardim das Virtudes

virtudesview

Este jardim romântico do Porto ganha (muitos) pontos graças à paisagem. Sente-se onde se sentar tem vista desimpedida para o rio e para Gaia. Se se esquecer de levar a mantinha ou a toalha, aproveite alguns dos bancos de pedra que por lá existem. Ah! E organize as coisas de forma a estar por lá (ou pelo miradouro, uns metros ao lado e também muito concorrido) quando for hora do sol se pôr. Dizem que arrebata corações o que, neste caso em específico, é ótimo.

Jardins da Casa Allen

casa-do

Os Jardins da Casa Allen são uma opção menos concorrida o que, por si só, é um aspeto positivo no que a jardins românticos diz respeito. Não falta espaço ajardinado para estender a toalha e ler um bom livro em boa companhia e marca pontos porque se deu ao trabalho de pensar num jardim menos “batido” da cidade.

Jardim de Serralves

serralves

Serralves é sempre uma boa opção em qualquer altura do ano. A verdade é que é possível passar um dia inteiro a passear dentro dos jardins da Fundação Serralves sem nunca passar duas vezes pelo mesmo metro quadrado. Há lago com recantos mais escondidos – sim! -, um prado para se deitar a fazer planos para o futuro – ainda melhor! – e ainda a garantia de boas exposições no Museu.

Parque da Pasteleira

pasteleira

O Parque da Pasteleira é um dos parques mais calmos da cidade. Além do tradicional lago (comum a vários jardins e parques da cidade), há ainda pontes românticas, antigos chafarizes e muita sombra, ideais para fazer piqueniques (para os quais existem mesas especialmente preparadas).

Jardim Botânico

botanico

Originalmente conhecido como Quinta do Campo Alegre, o Jardim Botânico do Porto é um dos jardins mais românticos do Porto pela quantidade de flores e plantas diferentes que é possível descobrir. O ideal é visitá-lo na Primavera por razões óbvias, mas o roseiral, os dois lagos, as estufas, o jardim de cactos e as árvores centenárias estão por lá durante todo o ano.