Somos Douro: classificação como Património Mundial

Categoria

Eventos Fazer

Autor

Livraria Lello

O festival Somos Douro realiza-se de 1 a 17 de junho no âmbito da classificação do Alto Douro Vinhateiro a Património Mundial e vai percorrer os 19 municípios desta região do país. A programação inclui um fórum jovem, conversas, oficinas, espetáculos e roteiros pelo património e literatura.

Organizado pela CCDR-N, a Comunidade Intermunicipal do Douro e a Liga dos Amigos do Douro Património Mundial, este evento é comissariado por Anabela Mota Ribeiro, jornalista natural da região. Esta ação foi desenhada para envolver a população desta parte do território nacional num festival que inclui diversas iniciativas nos 19 concelhos do Douro. Um dos destaques do programa é o fórum, que se realiza a 02 de junho, em Peso da Régua, que pretende ouvir jovens de diferentes idades, provenientes dos 19 municípios.

Richard Zimler estará “À Conversa com” a população de Torre de Moncorvo, dia 9 de junho, pelas 16h00 na Igreja da Misericórdia. O escritor, de origem judia, apresentará uma análise das origens profundas do judaísmo na região duriense até aos dias de hoje. No dia 14 de junho, às 14h30 na Biblioteca do mesmo município, será a vez do escritor José Luís Peixoto fazer uma análise única à forma como vê todo o pensamento literário do Prémio Nobel da Literatura português, José Saramago.

Haverá ainda roteiros pelo Parque Arqueológico do Côa, o Crasto de Palheiros e a Porca de Murça. O festival inclui também visitas a obras que ganharam o prémio arquitetura do Douro, como o Museu da Vila Velha, o armazém de envelhecimento de vinho da Quinta do Portal ou o Espaço Miguel Torga.

A programação por concelho pode ser conhecida aqui: http://www.ccdrn.pt/somosdouro/.